Heroes e 24

heroes

Rendi-me e vi um episódio de Heroes. Ao contrário do 24, que toda a gente gaba e que eu acho uma bananada escrita por idiotas excitados, Heroes é mesmo bom.
Ainda só vi meia dúzia de episódios mas acho que tem um nível de entretenimento bastante alto. Está muito bem escrito, a ideia é gira e os personagens estão muito entusiasmantes. O problema é que sempre que acaba um episódio fico em pulgas para ver mais. É tão viciante como a primeira série do Lost.E antes começarem dos desmaios de raiva acerca do que disse do 24 pergunto o seguinte:
– Quantas vezes é que se pode raptar uma personagem até deixar de ter interesse?
– Quantas vezes é que os aliados bonzinhos se podem transformar nos mauzões filhos da mãe?
– Quantas vezes é que se pode usar o mesmo plot twist sem que o espectador perceba?
– Depois de 37 raptos, 5 espancamentos, 83 ameaças de morte e 702 cenas de tiroteio a mulher do herói escapa incólume. Quando por fim se encontra em segurança é morta por mais um plot twist cliché. Justifique.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *